Voltar
11/06/2019| Projeto de investigação desenvolvido pelo CHL e Politécnico de Leiria premiado pela Sociedade Portuguesa de Diabetologia

 



 

O projeto, que está a ser desenvolvido em conjunto pelo Politécnico de Leiria e o Centro Hospitalar de Leiria, pretende avaliar alterações na função dos corpos carotídeos, que estão associados ao surgimento de diabetes tipo 2, com o intuito de avaliar se esta nova tecnologia permite prever/diagnosticar a diabetes.
A Prof.ª Doutora Maria Guarino, responsável do projeto, explica que "o objetivo deste projeto é desenvolver um protótipo de um novo dispositivo médico para diagnóstico precoce de doenças metabólicas, através da deteção da disfunção dos corpos carotídeos (CB)." "Os corpos carotídeos são muito importantes no controlo da função respiratória, sendo responsáveis pela adaptação do corpo a situações em que o oxigénio escasseia. Já há algum tempo que se tenta perceber se existe uma relação entre o funcionamento destes pequenos sensores, que se localizam no pescoço, e as doenças metabólicas, uma vez que doentes com patologia respiratória associadas à disfunção dos CB, como a apneia do sono, mostram tendência para o desenvolvimento de diabetes."
"O que descobrimos, em conjunto com a equipa da Porf. Doutora Sílvia Conde, do Centro de Estudos de Doenças Crónicas da Universidade Nova de Lisboa, é que a desregulação destes órgãos parece ser um dos primeiros eventos na cascata que culmina na doença metabólica: obesidade, hipertensão e diabetes. Atualmente não existe um equipamento médico portátil para diagnosticar a função dos CB. Assim, o projeto visa responder a essa necessidade, com o objetivo de construir um dispositivo médico para avaliar a função dos corpos carotídeos: o CBmeter".
O projeto é desenvolvido pelos investigadores do ciTechCare – Centro de Inovação em Tecnologias e Cuidados de Saúde do Politécnico de Leiria, Prof.ª Doutora Maria Guarino, Prof.ª Doutora Marlene Lages, Prof. Doutor Gabriel Correia Brito, Prof. Doutor Rui Fonseca-Pinto e oProf. Doutor Nuno Vieira Lopes, e pelos investigadores do Centro Hospitalar de Leiria (CHL) Prof. Doutor Salvato Feijó, diretor do Serviço de Pneumologia, e Prof.ª Doutora Alexandra Vieira, diretora do Serviço de Endocrinologia e Nutrição.
"Contarmos com a colaboração das áreas de Pneumologia e de Endocrinologia e Nutrição é totalmente inovador, mas fundamental porque a avaliação dos CB é classicamente associada à doença respiratória, mas pode permitir perceber precocemente se os utentes estão a desenvolver doença metabólica de forma silenciosa, e alertá-los a tempo para a necessidade de alterarem hábitos de vida, para a promoção de melhor saúde."
O prémio Bragança Parreira foi atribuído ao CBMeter no 15.º Congresso Português de Diabetes e equivale a um valor pecuniário de cinco mil euros, destinados a financiar o projeto, ou complementar o seu financiamento, e que será alocado ao Politécnico de Leiria. O projeto de investigação termina em setembro de 2019.
https://www.mydiabetes.pt/atualidade/1104-projeto-de-investiga%C3%A7%C3%A3o-desenvolvido-pelo-chl-e-polit%C3%A9cnico-de-leiria-premiado-pela-sociedade-portuguesa-de-diabetologia.html

 

Fonte texto e imagem: News Farma

Voltar