Voltar
28/01/2019| In-Mouraria: tratamento da hepatite C ao alcance de mais doentes

 



 

O Prof. Doutor Rui Tato Marinho, diretor do Serviço de Gastrenterologia do Centro Hospitalar Lisboa Norte, e Luís Mendão, presidente do GAT - Grupo de Ativistas em Tratamento, foram duas das figuras presentes na cerimónia de inauguração. O My Gastrenterologia também marcou presença e captou os melhores momentos.
Fazer chegar o tratamento da hepatite C a mais pessoas, em especial a quem usa ou usou drogas injetáveis. Eis o principal objetivo da primeira consulta comunitária descentralizada em Portugal, que nasceu da parceria entre o GAT e o Serviço de Gastrenterologia do Centro Hospitalar Lisboa Norte.
Na prática, o serviço funciona com a participação de uma equipa multidisciplinar constituída por médicos, enfermeiros e pares que fazem o acompanhamento fora das consultas. Até à data, se o teste rápido era reativo ao VHC, a pessoa era encaminhada para o hospital para fazer análises para confirmar a existência da infeção. Agora, as análises podem ser feitas no novo espaço do In-Mouraria, um projeto que o GAT lançou em 2012, assim como a ecografia hepática e outros exames feitos antes do tratamento.
O Prof. Doutor Rui Tato Marinho é o diretor deste Serviço e vai coordenar esta consulta e, no seu ponto de vista, para além do tratamento da hepatite C, é uma forma de aproximar as pessoas dos cuidados de saúde. “É uma população muito difícil de ir aos hospitais, devido ao ambiente burocrático, frio e implica gastar dinheiro em transportes e cumprir horários”, comentou o especialista em Hepatologia.
Luís Mendão preside o GAT e corrobora afirmando que “a abertura deste novo espaço é o que nos faltava para podermos responder a uma epidemia silenciosa que é a hepatite C, em que o grupo mais atingido foi o das pessoas que usam drogas injetáveis. Sabemos que são as pessoas com maior dificuldade na adaptação aos ritmos e exigências do acompanhamento hospitalar, por isso é fundamental haver um espaço onde se pode trazer o hospital, dando o serviço de apoio de pares, apoio social e a possibilidade das pessoas pensarem a sua vida e fazerem as suas escolhas sem pressão era essencial”.
A inauguração do novo espaço do In-Mouraria e a apresentação desta valência destinada ao tratamento da hepatite C decorreu esta segunda-feira, dia 21, contando com a participação de convidados de renome na área da Saúde.
http://mygastrenterologia.pt/atualidade/item/353-tratamento-da-hepatite-c-ao-alcance-de-mais-doentes.html

 

Fonte texto e imagem: News Farma

Voltar